sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Para você, o que é Luxo?

Existem dois pensamentos acerca do Luxo.

Luxo é ter tempo disponível para você fazer o que quiser?


Ou seria Luxo ter condições financeiras para consumir o que quiser, como as grandes Marcas de Luxo?


Escolha que tipo de Luxo você deseja para sua vida e vá em busca de alcançá-lo.

Moda é Cultura!

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Plano de Comunicação

No eixo temático de Comunicação em Moda, aprendemos a montar um Plano de Comunicação para nossa marca e achei interessante compartilhar com vocês o passo a passo.


Inicialmente, criamos  nome da marca, com logo, e, em seguida, devemos delimitar quem é nosso público-alvo e quem são nossos concorrentes diretos e indiretos.

Público-alvo é a fatia do mercado que se identifica com o estilo de vida proposto por nossa marca, é o nosso potencial consumidor. Devemos delimitá-lo por sexo, classe econômica e estilo de vida. Idade não é mais um referencial seguro para identificar quem seria nosso público-alvo, apenas devemos segmentar se é infantil, teen ou adulto. O estilo de vida é o diferencial neste momento.

Concorrente Direto é a empresa que vende o mesmo estilo de vida que vendemos, a mesmas condições, ou seja, disputa diretamente conosco o nosso consumidor.

Concorrente Indireto é aquele que pode atrair a atenção de nosso consumidor e fazer com que ele deixe de consumir nosso produto para consumir qualquer outro. Não necessariamente o concorrente indireto deve ser do mesmo segmento. Hoje, o maior concorrente da moda é a tecnologia, através de iphones, ipads e computadores novos lançados quase que diariamente.

Em seguida, devemos traçar os objetivos da comunicação. Que ideia queremos passar da nossa marca? 

Fazer a análise SWOT é essencial, delimitar as Potencialidades e Fragilidades e as Oportunidades e Fraquezas.

No momento seguinte, devemos ter em mente a orientação estratégica. Vamos lançar um produto inovador ou diferenciado no mercado? Quais são nossos objetivos? Em quanto tempo eles se realizarão?

A escolha dos meios é o próximo passo. Nossa marca seria divulgada através de marketing digital, como orkut, twitter, facebook, blogs? Faríamos eventos de lançamento de coleção? E mala-direta, nós enviaríamos para nossos clientes? E os desfiles? Temos verba para anunciar nossa marca em revistas de circulação nacional? Temos uma programação de vitrina? Participaremos de bazares? Promoveremos concursos?

Pensar a embalagem do produto cautelosamente não é atitude de todas as empresas de moda. Hoje, com a moda verde, devemos pensar consciente com o máximo de criatividade.

Nossas etiquetas terão diferenciação?

O Cronograma de Vendas deve ser criado. Mês a mês, devemos analisar os eventos que acontecem em nossa cidade que influenciariam na compra de nossos produtos.

Após uma severa análise de todas as opções de divulgação que temos em mãos, precisamos escolher qual ou quais delas melhor se adequam à nossa marca, quais seriam mais efetivas, não adianta atirar para todos os lados.

E, por fim, o financeiro.

Na ponta do lápis, vamos calcular qual seria nosso investimento nessas ações e se temos verba suficiente para tanto.

Moda é ter organização e fazer planejamentos!

Moda é Cultura!

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

O Impacto da Emoção no Consumo de Moda

A emoção no consumo está diretamente ligada ao marketing da marca.

É possível gerar um maior valor para a marca através de uma identidade positiva, como nome atraente, logotipo impactante e através do próprio marketing.


Quanto maior o valor de uma marca, maior a possibilidade de fidelidade por parte dos consumidores. Quanto maior a fidelização, maior o valor da marca.

As marcas de moda de sucesso transmitem imagens de qualidade e status.

Em 1990, o marketing construía marcas sem destacar o valor simbólico.

Hoje, o que a marca possui de mais valioso é seu patrimônio intangível, ou seja, seu conceito, o valor simbólico.

As marcas, hoje, não vendem apenas produtos, e sim, estilos de vida. 

A compra é uma grande experiência para o consumidor. Se ela for positiva, o consumidor fica envolvido e comprometido com a marca, tendo vontade de voltar.

Existem alguns elementos que podem construir estima pela marca, como os atributos físicos do produto; desempenho no uso; excelência de qualidade; preço competitivo; condições favoráveis de pagamento. 

Se o consumidor encontra todos esses atributos em sua marca não há motivos para que não ocorra fidelização.

Moda é Cultura!

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Vitrina Luminosa

A Vitrina Luminosa tem a própria iluminação como decoração, com destaque em efeitos de luzes, geralmente coloridas, com lâmpadas ou focos de luz.

Para uma composição profissional de vitrina, há um ingrediente que jamais poderá faltar, a criatividade.

Confira abaixo a vitrina da marca Christofle:


Vitrina luminosa com vegetação tropical! 

Moda é Cultura!

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Você se comunica bem com o seu público?!

Segundo Doris Treptow, “Mercado é o grupo de consumidores potenciais para um determinado produto”. 

O conceito de público-alvo pode ser facilmente extraído do conceito de mercado, pois público-alvo deixa de ser o consumidor em potencial e passa a ser aquele para quem o produto foi feito e a promoção é direcionada.

Você se comunica bem com o seu público?

video

Moda é Cultura!

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

2ª Feira Kanguru Kids e Teens - Evento!


Ontem, na sede do SEBRAE na Av. Monsenhor Tabosa, começou a 2ª Feira Kanguru Kids e Teens.

Se você tiver oportunidade de visitá-la, encontrará diversos stands relacionados à moda e festa infantil. Decoração, bolos, doces, biscuit, vestidos e a agência New Faces marcando presença no evento.


Antes dos desfiles iniciarem, assistimos à apresentação de um cover infantil de Michael Jackson. Arrasou!


Os desfiles da noite começaram com a temática Reciclagem. Na passarela, looks de jornal, revistas, canudos, sacos plásticos, papel alumínio, copos plásticos, tampas de garrafas, mostrando como pode haver criatividade através da reciclagem.



Mas a noite não parou por ai. O Concurso Criador 2011 teve sua final através do desfile da Coleção das duas duplas finalistas, Luciana Bouth e Paulo Henrique Cardoso, primeira dupla, e João Batista Farias e Mágyla Tâmara Ribeiro, segunda dupla, sendo ambos estudantes da Faculdade Católica do Ceará.


As duas coleções estavam lindas, as duplas arrasaram!

Gostaria de agradecer à Feira Kanguru Kids pelo convite para ser Jurada no Concurso Criador 2011, foi um prazer e uma honra compor a mesa de juradas, obrigada.

Abaixo, a mesa de juradas no momento da decisão:


Tive o prazer de ser fotografada com uma das mais bonitas e sorridentes modelos da noite. O make foi caprichado!


E a 2ª Feira Kanguru Kids e Teens continua até dia 24 de setembro de 2011 no SEBRAE.

Se for de seu interesse conferir o evento, dê uma passadinha por lá!

Hoje, sai o resultado de qual dupla será a vencedora do Concurso Criador 2011.

Boa sorte!

Moda é Cultura!

terça-feira, 20 de setembro de 2011

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Promoção como Comunicação

Quando ouvimos a palavra Promoção, costumamos associá-la às liquidações de fim de coleção nas lojas.

Porém, Promoção também tem outro significado.

Quando uma empresa se utiliza de meios para se comunicar com seu consumidor com a finalidade de criar um vínculo emocional também chamamos de Promoção.

Os meios utilizados para que essa comunicação ocorra são:

1) Propaganda. Feita através dos meios de comunicação, tem como objetivos vender, informar e posicionar o produto e a marca no mercado e na mente do consumidor. É responsável por tentar persuadir o consumidor a comprar mais, a desejar mais. Uma boa propaganda constrói bons relacionamentos e trabalha a memória do consumidor, devendo ter sempre uma freqüência regular para não correr o risco de levar a marca ao esquecimento. Em meio a tantas marcas, para se destacar deve estar sempre às vistas.

Recentemente, uma propaganda de produto de moda que chamou bastante a atenção foi a da Chilli beans:


2) Promoção de Vendas. Através de Liquidações, Brindes, Ofertas e Marketing Sensorial que acabam cativando e mimando o consumidor, trabalhando seu comportamento de compra. O consumidor precisa ter boas experiências sensoriais para ser cativado ao ponto de se tornar leal a uma marca.


3) Força de Vendas. É a equipe de vendas, tanto no interior da loja, como no ambiente externo, fazendo um trabalho de pesquisa para instruir melhor o marketing da marca. É bem mais cara do que as outras formas de promoção, pois exige treinamento.

4) Marketing Direto. Aquele que se utiliza de uma ou mais mídias para produzir efeito, como a Mala Direta.


Moda é saber promover sua marca pelos meios mais eficientes!

Moda é Cultura!

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Histórias que Ficam


De 17 de agosto a 13 de outubro de 2011, estão ocorrendo as inscrições para o Programa Histórias que Ficam.

O tema deste ano é Memória.

Serão selecionados 4 projetos de documentários, um de cada região do Brasil. Cada projeto selecionado receberá o valor de até R$ 300 mil para produção de um filme de 70 minutos.

Os selecionados também receberão consultoria especializada de cineastas renomados ao longo de todo o processo de realização dos filmes.

Depois de finalizados, os filmes serão exibidos em praças públicas de cidades de todas as regiões brasileiras e integrarão a grade da TV Cultura.

Quer mais informação? Então clique aqui.

Moda é Cultura!

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Canais de Distribuição. O que é isso?!

Quando você monta seu negócio e decide fazê-lo funcionar, você precisa determinar de que forma você deseja que seu produto chegue ao consumidor final.

Que tipo de relação você deseja ter com ele? Uma relação mais próxima ou mais afastada?

Os Canais de Distribuição são os meios pelos quais o seu produto chega ao consumidor e são divididos da seguinte forma: Distribuição Direta, Distribuição Indireta e Distribuição Mista.



É importante ressaltar que, antes de se fazer a opção de que tipo de Canal de Distribuição você vai utilizar em sua empresa, fatores como Características de Mercado, Natureza do Produto e Estrutura da Empresa devem ser observados.

A Distribuição Direta, como o próprio nome já diz, se faz diretamente ao consumidor final, sem intervenção de intermediários. Nesse tipo de distribuição, você tem um contato direto com seu consumidor, sendo capaz de ouvir suas sugestões, críticas, elogios e necessidades a fim de melhor atendê-lo. Você não depende de terceiros para que seu negócio funcione, porém acaba tendo mais gastos com estrutura para atendimento do cliente. Um bom exemplo de Distribuição Direta é o método de Varejo.

Já a Distribuição Indireta passa por um ou alguns intermediários para que o produto chegue ao consumidor final. Tem como vantagem um menor investimento em estrutura, tendo em vista que não atenderá o consumidor final diretamente. Quando a empresa encontra parceiros dedicados, há uma combinação de forças para incrementar as vendas, gerando uma maior possibilidade de expansão no mercado. Há, também, uma divisão dos riscos de distribuição, pois você já vendeu seu produto para o parceiro. Um ótimo exemplo é o Sistema de Atacado na Moda, em que os parceiros são as revendedoras e as multimarcas.

É importante ressaltar que, segundo o Código de Defesa do Consumidor, em seu artigo 13, o Intermediário é co-responsável pelo produto tanto quanto o fornecedor. Em caso de trocas ou devoluções, o consumidor pode optar por procurar o intermediário ou o fornecedor para solucionar seu problema. Veja abaixo: 

Art. 13. O comerciante é igualmente responsável, nos termos do artigo anterior, quando:

I - o fabricante, o construtor, o produtor ou o importador não puderem ser identificados;
II - o produto for fornecido sem identificação clara do seu fabricante, produtor, construtor ou importador;
III - não conservar adequadamente os produtos perecíveis.

Parágrafo único. Aquele que efetivar o pagamento ao prejudicado poderá exercer o direito de regresso contra os demais responsáveis, segundo sua participação na causação do evento danoso.

Existe, ainda, o direito de regresso. E o que é isso? Vou dar um exemplo para esclarecer melhor. 

Vamos supor que você seja uma revendedora de roupas e você comprou um vestido da marca X. Você vendeu essa peça a uma de suas clientes. Quando a cliente chega em casa, percebe que a roupa está rasgada. Ela volta até você e pede que você devolva o dinheiro dela. Você é obrigada a fazer isso? Sim, segundo o Código de Defesa do Consumidor, você é obrigada a fazer isso. Mas você não fica no prejuízo. Quando você recebe de volta a peça rasgada e devolve o dinheiro de sua cliente, você deve procurar a marca X, devolver a peça e receber seu dinheiro de volta. Isso se chama direito de regresso. 

A cliente escolheu ir até você, revendedora, porque para ela é mais fácil chegar a você, porém não é culpa sua a peça estar danificada de fábrica, você também sofreu um dano e tem direito de reaver seu dinheiro.

É assim que funciona.

Por último, a Distribuição Mista. Aos olhos da grande maioria, a Mista seria a melhor distribuição. Mas vamos com calma.

A Mista abrange a Distribuição Direta e a Indireta, ou seja, você atende Varejo e Atacado ao mesmo tempo.  

Atenção, você deve tomar muito cuidado com as suas estratégias de venda para não criar novas concorrências com seu produto, utilize de forma inteligente esse tipo de Distribuição.

O preço para Varejo é diferente do de Atacado, porém, o que muitas marcas erram feio é não distinguir os preços dentro do próprio Atacado.

Como falei acima, o Atacado pode ser dividido em Revendedoras e Multimarcas.

As Revendedoras são pessoas que se locomovem até seus clientes, são também conhecidas como sacoleiras. Os gastos que elas têm em seu negócio se restringem, geralmente, a gastos com transporte, pois não possuem uma loja para manter.

Já as Multimarcas oferecem toda uma estrutura de atendimento de clientes, montam uma loja com vendedoras, têm gasto com aluguel, energia, telefone, transporte, ou seja, a Multimarca está equivalente à sua loja de Varejo no quesito gastos com manutenção.

O preço do produto de atacado deve ser o mesmo para a Revendedora e para a Multimarca?

Claro que não. Se você pratica o mesmo preço para as duas, você cria concorrência do seu produto com a Revendedora, a Multimarca e a sua loja de Varejo.

A Revendedora, que tem menos gastos, pode vender seu produto mais barato do que você na sua Loja de Varejo. E ai? Como fica?

Você deseja criar concorrência com seu próprio produto?

Então, para que seu produto seja vendido em condições iguais em todos os pontos de venda, diferencie o preço do produto para revendedoras, assim, elas terão que vender o produto ao mesmo preço que o seu e caberá ao consumidor escolher onde quer comprar.

Moda é usar com inteligência nossos conhecimentos para fazer nosso negócio funcionar da melhor forma possível.

Moda é Cultura!

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Modelagem no SENAC com Jum Nakao

Mais uma vez o Curso “A Desconstrução das Referências de Moda”, ministrado por Jum Nakao, chega a Fortaleza. Entre os dias 21 e 22 de setembro, teremos o II Módulo: Criações em Modelagem


O curso vem com carga horária de 20h/aula e tem o objetivo de aprimorar os conhecimentos de modelagem e desenvolver modelos a partir da interação de técnicas criativas e é interessante para quem cursou o I módulo - Modelagem e Inovações, oferecido pela Instituição em 2010.

Nos dias de 19 e 20 de setembro, será ofertado novamente o I Módulo, o mesmo de 2010, abrindo mais uma turma inicial. Modelagem e Inovações, que também conta com carga horária de 20h/a, tem o objetivo de facilitar a compreensão dos princípios lógicos da construção da modelagem e estimular a criatividade sobre novas formas de vestir. 

E nos dias 23 e 24, acontece o III módulo: Desconstrução, que pretende estimular a construção de novos pensamentos a partir das referências, criando novas lógicas.

“Os módulos são complementares e o módulo I - Modelagem e Inovações dá o start para os outros, pois mostra as bases técnicas, possibilitando construir novos pensamentos, e para isso são necessárias novas linguagens e novos processos de construção”, salientou Eveline.

As inscrições para os módulos já estão abertas. As aulas de ambos acontecerão na Unidade Sesc Senac Iracema.     

Curso: A Desconstrução das Referências de Moda

Modelagem e Inovações (Módulo I) – 20h/a: Período: 19 e 20 de setembro de 2011

Criações em Modelagem (Módulo II) - 20h/a Período: 21 e 22 de setembro de 2011

Desconstrução (Módulo III) – 20 h/a Período: 23 e 24 de setembro de 2011

Os cursos custam o mesmo valor: R$ 450,00 (A) ou em até 10 X R$ 45,00 (C).

Local: Sesc Senac Iracema – Rua Boris, 90C, Praia de Iracema

Maiores informações: (85) 3452.7065.

Cansado de perder bos oportunidades? Então aproveite!

Moda é Cultura!

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Concurso Cultural Colméia

Amigos, estou concorrendo no Concurso de Criação de Logo para a Colméia e gostaria de fazer um pedido a vocês.

Basta curtir a Página da Colméia no Facebook, clicando aqui..

E, em seguida, curtir a minha logo clicando aqui..


Só assim passarei para a segunda fase do Concurso.

Desde já, agradeço a todos.

Moda é Cultura!

Design, Inovação e Marketing

Dia 15 de setembro de 2011, às 19h, na Livraria Cultura de Fortaleza, teremos uma grande oportunidade de ter acesso a estratégias de sucesso de algumas empresas, ferramentas de Marketing.

A palestra "Design, Inovação e Marketing - A mágica das empresas de sucesso" será ministrada por Waleska Vianna e Tadashi Sawaki, profissionais da Eita Ilimitada.



É mais uma parceria da Livraria Cultura com a ABEDesign e o bate-papo vai abordar as inovações que podem ser aplicadas nas empresas e que podem trazer bons frutos.

É gratuita!!!!

Vale a pena conferir!

Moda é Cultura!

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

E o que é Preço?

Segundo Kotler, Preço é o Valor monetário atribuído a um produto, para efeito de comercialização.


O que precisamos entender é que nem sempre preço é diretamente proporcional à qualidade, pois outros valores devem ser levados em consideração, como: Valor da concorrência, Valor percebido pelo mercado, Avaliação direta do preço, Markup e preço psicológico.

Hoje, podemos afirmar sem medo de errar que qualidade é obrigação de todos, não é mais diferencial de marcas, ou, pelo menos, deveria ser.

Quando temos uma marca, uma das obrigações iniciais é delimitar quem é nossa concorrência. Se estamos no início do negócio, não devemos praticar valores muito distintos. Preferencialmente, os valores devem ser iguais ou levemente inferiores para estimular o consumidor a querer "testar" a nossa marca.

O preço também deve obedecer ao valor percebido pelo mercado, não podendo ser muito acima, pois assim não haveria estímulo ao consumo e, não podendo ser muito abaixo, pois desvalorizaria nosso produto.

O Markup é um coeficiente que se multiplica ao custo do produto para se encontrar o preço da peça. Ele varia de empresa para empresa e também depende de quanto de lucro você deseja obter.

O preço psicológico é aquele determinado na mente do consumidor, é o quanto ele acha que o produto vale.

Então, vai a dica:

Se você deseja encontrar o preço do seu produto, some o custo da peça com a margem de lucro desejada e com o valor encontrado após a análise de todos os valores acima citados.

Moda é saber precificar seu produto para não ficar no prejuízo!

Moda é Cultura!

sábado, 10 de setembro de 2011

2ª Feira Kanguru Kids e Teens


A 2ª Feira Kanguru Kids e Teens é uma realização da Kanguru Kids Comércio de Moda e Eventos Ltda ME repetirá o sucesso de 2010, trazendo ao público do segmento infantil as novidades do mercado kids e teens para pais e as crianças e para os profissionais presentes.

Com o sucesso e experiência obtidos na 1º Feira, espera-se um evento ainda melhor que o do ano passado.  Estarão presentes um maior número de empresas, com um possível acréscimo de mais de 26 expositores, 06 marcas desfilando e 02 empresas de show business em apresentações.

No Evento, estarão presentes profissionais de festas, artesãos, moda, alimentação, educação, saúde e prestadores de serviços do setor Kids e Teens. 

A 2º Feira acontece no Centro de Negócios do Sebrae nos dias 22, 23 e 24 de Setembro de 2011 (quinta, sexta e sábado) com 43 standistas, 8 marcas desfilando, 4 empresas de show business fazendo apresentações confirmados.

Na Feira, teremos acesso às novas tendências do mundo da moda com apresentação de desfiles e acontecerá o Concurso Criador 2011, com o apoio da Faculdade Católica do Ceará e a Faculdade Estácio/FIC.

EVENTO

DATA: 22, 23 e 24 de SETEMBRO de 2011
LOCAL: CENTRO DE NEGÓCIOS SEBRAE-CE – Fortaleza/CE
HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO:
DIA 22/SET/2011 – Quinta feira: 14:00h às 22:00h
DIA 23/SET/ 2011 – Sexta feira: 14:00h às 22:00h
DIA 24/SET/2011 – Sábado: 14:00h às 22:00h

Acesse o site da Kanguru Kids clicando aqui.

Moda é Cultura!

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Lycra Future Designers

O Concurso Lycra Future Designers já fez concursos em alguns segmentos de moda, como moda praia e jeans.

A edição deste ano é a criação de uma estampa exclusiva.


Os concursos oferecidos por instituições sérias são sempre ótimas oportunidades de ter o seu nome veiculado na mídia da forma correta, porém, que fique claro que, pessoalmente, tenho restrições a esse tipo de proposta.

Os concursos relacionados à moda geralmente têm cláusulas relacionadas à cessão de direitos autorais da criação para a promovente do concurso. 

O que isso significa?

Se você faz uma criação e ela não é selecionada como a campeã, a empresa pode, futuramente, utilizá-la e não pagar nada a você por isso.

Como tudo na vida, há pontos positivos e negativos.

Positivo: se você ganha, tem reconhecimento nacional atrelado à empresa promovente do concurso.

Negativo: se você não ganha, "perde" o direito autoral sobre a sua criação.

Pese o que vale a pena para você e, se for o caso, participe!

Moda é ter conhecimento sobre o que pode ser bom ou ruim profissionalmente para você.

Moda é Cultura!

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Calendário Anual

Importante observar que todo Negócio, seja de Moda ou não, deve ter um Calendário Anual de datas que possam vir a influenciar o consumo de seus produtos.



Datas como Carnaval, Páscoa, Dia das Mães, Dia dos Namorados, Férias, Promoções, Dia dos Pais, Dia das Crianças, Finados, Natal e Reveillon podem influenciar nas vendas.


Se você tem uma marca de moda feminina, preste atenção em datas como Dia das Mães, Dia dos Namorados, Dia da Mulher. E esteja preparado para atender seu consumidor com uma boa oferta de produtos nestas épocas do ano.


É importante estar sempre em conexão com a Função Marketing da empresa para que o promocional seja divulgado da melhor forma possível e consiga atingir seu público-alvo de forma satisfatória.


Moda é ter organização!


Moda é Cultura!

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Plano de Negócios

Teve uma ideia genial para montar seu negócio e não sabe por onde começar?

Inicialmente, devemos montar um Plano de Negócios.

Lá, você definirá o que é a sua empresa.

E os pontos principais do Plano são: Missão da Empresa, Definição do Negócio, Aspectos Operacionais, Aspectos Administrativos, Aspectos Jurídicos, Plano de Marketing e Aspectos Econômico-Financeiros.

Ao final de tudo isso, você verá se seu negócio é viável financeiramente ou não.

Se você deseja aprender o passo a passo do Plano de Negócios de uma forma bem didática, não há indicação de livro melhor do que "O segredo de Luísa", de Fernando Dolabela.


Moda é ter espírito empreendedor!

Moda é Cultura!

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Você sabia?!

Hoje, na era digital, já ficou comum consumirmos produtos através da internet, sejam eles em sites de compra coletiva, sites das marcas ou sites promocionais.

E é uma conduta cada vez mais praticada por questões de comodidade, facilidade, descontos.

Mas, se você é consumidor, tem algo que é necessário saber.

No Direito, existe o chamado Direito de Arrependimento, ou seja, comprei algo e me arrependi, seja por o produto não ser o que eu esperava ou por qualquer outro motivo.

Você sabia que o Código de Defesa do Consumidor (Lei 8078/90) garante a você o direito de devolver um produto comprado pela internet no prazo de 7 dias a contar do recebimento do produto?


É isso mesmo, você pode não gostar do produto que comprou e devolvê-lo no prazo de 7 dias à empresa.

Lógico que algumas empresas adoram dificultar o acesso a esse direito, mas é seu e garantido por lei, confira:

"Art. 49. O consumidor pode desistir do contrato, no prazo de 7 dias a contar de sua assinatura ou do ato de recebimento do produto ou serviço, sempre que a contratação de fornecimento de produtos e serviços ocorrer fora do estabelecimento comercial, especialmente por telefone ou a domicílio.

Parágrafo único. Se o consumidor exercitar o direito de arrependimento previsto neste artigo, os valores eventualmente pagos, a qualquer título, durante o prazo de reflexão, serão devolvidos, de imediato, monetariamente atualizados".

E de acordo com a Lei, o valor pago pelo produto deve ser devolvido imediatamente.

Cuidado, algumas empresas querem ditar suas próprias regras como não devolver os valores e gerar um crédito na empresa para futuras compras. Isso é uma cláusula abusiva, não é válida.

Se hoje tudo é globalizado, o conhecimento de nossos direitos também deve ser.

Moda é não se acomodar diante de situações como esta e lutar por nossos direitos de cidadão!

Moda é Cultura!

domingo, 4 de setembro de 2011

Dica de Filme: O Homem do Futuro

O fato de Wagner Moura ser um dos melhores atores nacionais não é novidade. Quem não assistiu Tropa de Elite 1 e 2?


O Homem do Futuro é divertidíssimo e todo o filme é de excelente qualidade, nada de apelação. Alinne Moraes também teve uma excelente atuação.

Olhar para o passado e remoer os erros cometidos são atitudes comuns na humanidade. Mas ter a oportunidade de voltar ao passado e consertar tudo que saiu errado? Será que vale a pena? Será que não seria melhor deixar como está?

Vale a pena conferir!

Moda é Cultura!

sábado, 3 de setembro de 2011

O que você está lendo?

Este é meu último semestre no Curso de Design de Moda e, por conseguinte, todos que estamos nos formando precisamos fazer nosso Trabalho de Conclusão de Curso, o famoso TCC.

Acredito que não há motivos para se desesperar se você já decidiu seu tema e tem uma boa bibliografia para ler. E, no meu caso, livro é o que não falta.

Iniciei, recentemente, a leitura do livro Sociedade de Consumo, de Livia Barbosa.


O livro tem apenas 67 páginas e traz, resumidamente, as diversas vertentes acerca do conceito de Sociedade de Consumo, citando autores como Don Slater e Jean Baudrillard, abordando, também, Cultura de Consumo, Consumismo e Consumidores, distinguindo-os.

Forme sua opinião acerca de Sociedade de Consumo através da leitura deste livro.

Recomendo!

Moda é consumo?

Moda é Cultura!

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Oportunidades SENAC Fortaleza!

Outubro imperdível proporcionado pelo SENAC Fortaleza!

Duas presenças ilustres na nossa terrinha trarão conteúdo pouco explorado e amplamente desejado!

Confira:

Curso Editoriais de Moda com Jô Souza


De 26 a 29/10, no SENAC Iracema, de 8h às 20h.

Curso Análise Crítica de um Filme com Luciano Ramos


Dias 27 e 28/10, no SENAC Iracema, com duração de 20h/aula.

Ninguém pode reclamar por falta de oportunidades!

Maiores informações: (85) 34527065

Moda é ter conteúdo!

Moda é Cultura!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...